COLUNA DE 24 DE FEVEREIRO

Quando março vier

Durante a semana, a cúpula do sindicato dos servidores municipais reuniu-se com o prefeito Juliano Bertolini. No diálogo, os sindicalistas foram taxativos: querem aumento real e não pretendem transigir. Além de itens prometidos durante a campanha, reivindicam 8% de reajuste sobre o salário e 15% no auxílio-alimentação. O próximo mês promete fortes emoções.

Nada de novo

Ontem, reuniram-se os integrantes da Associação dos Municípios da Nova Alta Paulista (Amnap). Duplicação da rodovia “Ribeiro de Barros” (Parapuã até Panorama, por etapas), a utópica reativação da ferrovia e a construção do hospital regional foram assuntos debatidos.

Sempre atual

Em 1982, há 36 anos, o escritor e poeta Affonso Romano Sant’Anna escreveu: “Mentiram-me ontem e hoje mentem novamente. Mentem de corpo e alma, completamente. E mentem sinceramente. Mentem sobretudo, impunemente. (...) E de tanto mentir tão bravamente, constroem um país de mentira, diariamente”.

Perguntar não ofende

Se a reforma da Previdência foi adiada ou abortada, por que manter o falastrão Carlos Marun na Casa Civil da presidência? Ele foi escalado para cooptar ou comprar (termo mais adequado) deputados e senadores. Da mesma forma, agora que o Rio de Janeiro tem interventor, qual a razão de os inúteis Pezão e Marcelo Crivella continuarem à frente do governo estadual e da prefeitura, respectivamente.

Fórmula mágica

A Conmebol decretou que, futuramente, a decisão da Libertadores da América será em jogo único, em campo neutro. Já pensaram numa finalíssima entre os gloriosos Deportivo Táchira e The Strongest, no Maracanã?

VALDIR ANDRÊO

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

COLUNA DE 10 DE MARÇO

COLUNA DE 20 DE MARÇO

COLUNA DE 27 DE MARÇO